Assistir a escalada de Jon Jones até o cinturão do UFC, vídeo, todas as lutas ate o cinturão

Assistir a escalada de Jon Jones até o cinturão do UFC, vídeo, todas as lutas ate o cinturão

Assistir a escalada de Jon Jones até o cinturão do UFC, vídeo, todas as lutas ate o cinturão, mesmo tendo feito poucas lutas em sua carreira, o lutador americano Jon “Bones” Jones é, sem dúvida alguma, o maior nome na categoria meio-pesado do UFC em todos os tempos. Veja a escalada de Jones até a conquista do cinturão.

A estreia de Jones no UFC foi contra Andre Gusmão no UFC 87 em 9 de agosto de 2008. Jones foi avisado da luta com duas semanas de antecedência, sendo o substituto de Tomasz Drwal. Ele mostrou um desempenho impressionante de quedas e exibição de golpes pouco utilizados, com cotoveladas giratórias e um chute para trás girado. Jones teve uma vitória por decisão unânime.

Em sua segunda luta, Jones lutou contra o veterano Stephan Bonnar no UFC 94 em 31 de janeiro de 2009. Jones mostrou habilidades superioras de wrestling e socos poderosos. Jones machucou uma das pernas de Bonnar e conseguiu uma cotovelada de costas que quase nocauteou seu adversário durante o primeiro round. Embora parecesse cansado no terceiro round, Jones aguentou para conseguir outra vitória por decisão unânime.

A terceira luta de Jones foi contra Jake O’Brien no UFC 100 em 11 de julho de 2009. Jones controlou a maior parte da luta negando muitas tentativas de takedown do seu oponente. Jones ficou exercendo a sua vantagem de alcance e encontrou seu alcance até o final do primeiro round com um jab direita e chutes altos e baixos. Na metade do segundo round, Jones passou a mostrar mais o seu movimento assinatura, a cotovelada giratória, e depois conseguiu uma guilhotina que deixou seu adversário momentaneamente inconsciente logo depois dele desistir.

Em setembro de 2009, Jones foi recompensado por suas vitórias através da assinatura de um novo contrato de quatro lutas com o UFC.

Após mais duas vitórias no Ultimate, Jon Jones enfrentou Matt Hamill no The Ultimate Fighter: Heavyweights Finale, em 5 de Dezembro de 2009. Apesar de dominar o combate, Jones foi desqualificado após desferir cotoveladas ilegais, golpes que normalmente o fariam perder um ponto no assalto, mas Hamill deslocou o ombro e, assim, não pôde continuar o combate, o que obrigou o árbitro a encerrar o combate, com Jones conhecendo assim sua única derrota até o momento.

Depois de vencer Brandon Vera e Vladimir Matyushenko por nocaute técnico no 1º assalto, Jones enfrentou no UFC 126, o até então invicto, Ryan Bader. Após dominar o 1º assalto, Jones tirou a invencibilidade do adversário ao finaliza-lo com uma guilhotina no 2º assalto chegando a dar a entender que jones brincava com o bader após pegar as costas passando a perna sobre o oponente.

Logo após a vitória, recebeu a notícia que seu companheiro de treinos Rashad Evans, que por causa de uma lesão no joelho, não poderia disputar o cinturão contra Maurício Rua. Assim, Jones iria o substituir neste combate.

Assistir a escalada de Jon Jones até o cinturão do UFC, vídeo, todas as lutas ate o cinturão

Comentários facebook :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *