Dana White confirma McGregor fora do UFC 200 e critica irlandês por não comparecer a coletiva.

Dana White

Ausente da coletiva para promover o UFC 200, realizada nesta sexta-feira, em Las Vegas (EUA), antes da pesagem do UFC 197, Conor McGregor foi criticado pelo presidente do Ultimate, Dana White, que confirmou que o irlandês está fora do evento do dia 9 de julho, quando enfrentaria Nate Diaz na luta principal. O dirigente disse que ainda procura um novo rival para enfrentar o americano, que segue no card, mas não como principal atração, negou que tenha oferecido o combate para Khabib Nurmagomedov e Georges St-Pierre e revelou que a luta principal será pelo título, mas não afirmou qual. Ele ainda declarou que, se Jon Jones ganhar Ovince St-Preux neste sábado e não se lesionar, e Daniel Cormier também estiver saudável, ambos podem se enfrentar no UFC 200 pela unificação do título do peso-meio-pesado (até 93kg).

Confiras as encaradas de hoje promocionais do UFC 200

Acho que Conor está na Islândia. Todo mundo aqui sabe e todo mundo que luta pelo UFC nos últimos 16 anos sabe que a gente tenta cooperar o máximo que pode. Nós temos que fazer a promoção para a luta, muitos desses caras vieram aqui de outras partes do mundo, como Brasil e Nova Jersey (risos). Esses caras têm outras coisas para fazer e estão aqui, nós temos que fazer a promoção da luta. Nós demos ao Conor toda a oportunidade do mundo para vir aqui. Nós fomos criticados por isso, mas nós fizemos. Conor é um cara que aceitou lutas em cima da hora e sempre fez tudo o que nós pedimos. Eu gosto dele, mas ele tem que fazer a coletiva. Nós gastamos 10 milhões de dólares para promover essa luta, e ele não pode nem gravar o comercial? Frankie e Aldo vão lutar no UFC 200, e ele enfrentará o vencedor – disparou Dana.

Dana White também usou José Aldo como exemplo ao criticar McGregor, lembrando que o brasileiro viajou para uma coletiva de imprensa em Las Vegas (EUA), antes de eles se enfrentarem, mesmo com o evento sendo marcado para a véspera do casamento de sua irmã.

Quando o Conor estava lutando contra o José Aldo, a irmã do Aldo estava casando. Ele veio para uma coletiva de imprensa aqui em Vegas com a irmã casando no dia seguinte. Mas ele veio e participou. Isso é uma coisa que ele tem que fazer. Não seria justo com os outros lutadores.

Nós não fizemos uma luta tão rápido assim. Ainda estamos trabalhando nisso.

McGregor mostrou que estava assistindo a coletiva e se manifestou através de sua conta no Twitter.

Todos voaram para lá. Respeito. Mas nenhum deles fez US$ 400 milhões para a empresa em oito meses.

Ao tomar conhecimento da postagem de Conor, Nate Diaz disse que o rival foi destruído por ele. Polêmico, o americano afirmou que se não enfrentar o irlandês, vai tirar férias.

– Vim para lutar contra o Conor McGregor. Ainda não tenho interesse em mais ninguém, mas vamos fazer o que tivermos que fazer. Eu não pedi por aquela luta, ele pediu, ele queria, se isso não está acontecendo vou tirar férias. Ele queria lutar, mas ele não quer que essa luta aconteça. Vai ser um problema, quero uma luta grande. Senão for uma luta grande, eu não vou fazer merda nenhuma. E se ele quiser lutar e não estiver aqui, não sei o que esses caras vão fazer. Não estou nem aí – concluiu.

Fonte da Notícia: www.combate.com.br

Comentários facebook :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *