Dominick Cruz vence TJ Dillashaw em duelo emocionante

001

O cinturão do peso galo do Ultimate Fighting Championship está novamente em posse de Dominick Cruz. O ‘Dominator’ travou duelo emocionante contra TJ Dillashaw, na atração principal do UFC Fight Night 81, na madrugada deste domingo (horário de Brasília), em Boston, garantiu o triunfo por decisão dividida dos juízes ((48/47, 46/49 e 49/46), e voltou ao posto de campeão da categoria até 61kg.

Dominick Cruz foi o primeiro campeão da história da divisão dos galos do UFC. Ele trouxe o cinturão do extinto WEC e o defendeu com sucesso em duas oportunidades no Ultimate, ambas em 2011: diante de Urijah Faber e Demetrious Johnson. O norte-americano, no entanto, viveu fase atormentada por seguidas lesões no joelho e teve o título retirado no início de 2014, quando se contundiu novamente após ter disputa pelo cinturão unificado marcada contra Renan Barão. Ele voltou a lutar em setembro aquele ano, com vitória sobre Takeya Mizugaki, mas amargou outro longo período de inatividade por causa de nova lesão no joelho.

Mais de um ano depois, Dominick Cruz retornou ao octógono para desafiar TJ Dillahaw, que destronou Renan Barão e estava na terceira defesa de cinturão. O ‘Dominator’ apostou na velocidade, com muita movimentação, e aproveitou para aplicar boas quedas. Mesmo cansado ao passar dos rounds, o desafiante conseguiu seguir pontuando bem, com jabs precisos a curta distância. O campeão também explorou bem a trocação, principalmente com chutes baixos. Ao fim de cinco assaltos bastante equilibrados, Cruz foi declarado vencedor por pontos.

003

Em entrevista a Joe Rogan ainda no octógono, o novo campeão revelou que os chutes baixos de Dillashaw revelou as marcas da vitória. “Tenho problemas na minha perna esquerda. Os chutes dele foram em cima de antigas lesões. Mas o que me incomodou foi o meu pé que eu lesionei nos treinos. Agora, ele está partido ao meio”, comentou.

Já Dillashaw questionou o resultado e pediu revanche. “Estou muito desapontado. Achei que tivesse vencido e ditado o ritmo da luta. Achei que venci os dois últimos rounds, mas sabia que seria uma luta apertada. Quero enfrentá-lo novamente.. Errei alguns golpes e não consegui dar sequência. Este é um momento muito difícil, mas quero dizer que vocês me verão em breve”, declarou.

Esta foi a 21ª vitória em 22 lutas na carreira de Dominick Cruz – a única derrota foi imposta por Urijah Faber, em 2007, ainda pelo WEC. Já TJ Dillashaw amarga o terceiro revés em 15 combates no cartel.

Resultados do UFC Fight Night 81

Card principal

Dominick Cruz venceu TJ Dillashaw por decisão dividida e conquistou cinturão dos galos
Eddie Alvarez venceu Anthony Pettis por decisão dividida
Travis Browne venceu Matt Mitrione por nocaute técnico no terceiro round
Francisco Massaranduba venceu Ross Pearson por decisão unânime

Card preliminar


Patrick Côté venceu Ben Saunders por nocaute técnico no segundo round
Ed Herman venceu Tim Boetsch por nocaute técnico no segundo round
Chris Wade venceu Mehdi Baghdad por finalização no primeiro round
Luke Sanders venceu Maximo Blanco por finalização no primeiro round
Paul Felder venceu Daron Cruickshank por finalização no terceiro round
Ilir Latifi venceu Sean O’Connell por nocaute no primeiro round
Charles Rosa venceu Kyle Bochniak por decisão unânime
Rob Font venceu Joey Gomez por nocaute técnico no segundo round
Francimar Bodão venceu Elvis Mutapcic por decisão unânime

Fonte da Notícia: Super Esportes

Comentários facebook :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *