Em combate de muitas reviravoltas, Barnett finaliza Arlovski na Alemanha

UFC Hamburgo

Protagonistas do UFC Fight Night 93, em Hamburgo, Josh Barnett e Andrei Arlovski premiaram o público com duelo eletrizante, neste sábado. Na atração principal do evento na Alemanha, os ex-campeões do peso pesado travaram confronto com trocação franca e repleto de reviravoltas, com oportunidade de nocaute para ambos. A vitória ficou com Barnett, que finalizou o bielorrusso com mata-leão, a 2min53seg do terceiro round.

Esta foi a 35ª vitória em 43 lutas na carreira de Josh Barnett, de 39 anos. O ‘Warmaster’, como é apelidado, volta a vencer depois de derrota por finalização contra Ben Rothwell, em janeiro deste ano.

Já Andrei Arlovski amarga o terceiro revés consecutivo no UFC – perdeu anteriormente para Alistair Overeem e Stipe Miocic, adversários na próxima disputa pelo cinturão dos pesados. Finalizado pela primeira vez na carreira, o ‘Pit Bull’ agora fica com cartel de 25 vitórias e 13 derrotas, além de um ‘No Contest’.

O primeiro round foi eletrizante. Logo no início, Josh Barnett acertou uma poderosa bomba e quase nocauteou Arlovski, que chegou a dobrar as pernas. O bielorusso respondeu da mesma maneira, balançando o rival. O norte-americano, no entanto, desferiu mais um forte soco e mandou o adversário a knockdown. O segundo assalto foi mais amarrado, com Barnett levando vantagem na luta de solo.

No terceiro round, os veteranos demonstraram bastante cansaço, mas garantiram o espetáculo para a torcida. Barnett chegou a acusar um toque no olho, mas o árbitro não interferiu. Arlovski tentou aproveitar, foi para cima e conseguiu a derrubada. O norte-americano reagiu, conseguiu a raspada, foi para a montada e encaixou o mata-leão.

VEJA OS RESULTADOS DO UFC EM HAMBURGO

Card principal

Josh Barnett venceu Andrei Arlovski por finalização no terceiro round
Alexander Gustafsson venceu Jan Blachowicz por decisão unânime
Ryan Bader venceu Ilir Latifi por nocaute no segundo round
Nick Hein venceu Tae Hyun Bang por decisão unânime

Card preliminar
Jessin Ayari derrotou Jimmy Wallhead por decisão dividida
Peter Sobotta derrotou Nicolas Dalby por decisão unânime
Ashlee Evans-Smith derrotou Veronica Macedo por nocaute técnico no terceiro round
Taylor Lapilus derrotou Leandro Brodinho por decisão unânime
Jarjis Danho e Christian Colombo empataram majoritariamente
Jack Hermansson derrotou Scott Askham por decisão unânime
Rustam Khabilov derrotou Leandro Buscapé por decisão unânime

Fonte da notícia: www.superesportes.com.br

Comentários facebook :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *