McGregor vence Alvarez e faz História no UFC 205, Confira os Resultados!

conor

Você pode amar ou odiar Conor McGregor. Torcer de coração ou secar fervorosamente. Mas a realidade é que o irlandês fez o que ninguém jamais fez. Podem questionar os privilégios, o fato de outros não terem conseguido a mesma oportunidade, mas o Notório tratou de aproveitar a que teve e se tornou o primeiro atleta da história do Ultimate a possuir dois cinturões de duas categorias diferentes ao mesmo tempo. A já conhecida potência de sua mão esquerda fez mais uma vítima ao nocautear Eddie Alvarez aos 3m04s do segundo round na luta principal do UFC 205 no retorno da organização à Nova York, causando alvoroço no Madison Square Garden lotado. Agora, o polêmico e talentoso lutador é o campeão das divisões dos penas (até 66kg) e leves (até 70kg), restando saber se abrirá mão de um dos cinturões.

UFC 205

Duelo de gigantes! Tyron Woodley e Stephen Thompson fizeram um combate no qual expuseram todas suas habilidades, deixaram seus corações no octógono e deram um show para o público do Madison Square Garden, e o resultado não poderia ser mais justo: empate majoritário, segundo os jurados, e a manutenção do cinturão pelo campeão Tyron Woodley.

Dois jurados avaliaram o combate com uma pontuação de 47 a 47, enquanto um terceiro deu vitória para Woodley por 48 a 47. De acordo com as regras, isso configura um empate e, como se trata de uma disputa de cinturão, o título permanece com seu atual detentor.

UFC 205

A polonesa Joanna Jedrzejczyk é, sem dúvidas, uma das campeãs mais dominantes do UFC atualmente. No UFC 205, ela dominou completamente sua compatriota Karolina Kowalkiewicz e venceu por decisão dos jurados, defendendo seu título pela quarta vez.

Em um duelo de invictas, Joanna pouco correu riscos. A campeã mostrou superioridade na trocação e no clinch, e voltou a exibir sua fenomenal defesa de quedas para se tornar a primeira a vencer Kowalkiewicz.

CONFIRA ABAIXO OS OUTROS RESULTADOS:

CARD PRINCIPAL

Conor McGregor venceu Eddie Alvarez por nocaute aos 3m04s do 2º round;
Tyron Woodley x Stephen Thompson foi declarada empate majoritário (47-47, 47-47 e 48-47)
Joanna Jedrzejczyk venceu Karolina Kowalkiewicz por decisão unânime (triplo 49-46)
Yoel Romero venceu Chris Weidman por nocaute técnico aos 24s do R3
Raquel Pennington venceu Miesha Tate por decisão unânime (29-28, 30-27 e 30-27)
CARD PRELIMINAR
Frankie Edgar venceu Jeremy Stephens por decisão unânime (30-27, 30-27 e 29-28)
Khabib Nurmagomedov venceu Michael Johnson por finalização aos 2m31s do R3
Tim Boetsch venceu Rafael Natal por nocaute técnico aos 3m22s do R1
Vicente Luque venceu Belal Muhammad por nocaute aos 1m19s do R1
Jim Miller venceu Thiago Pitbull por decisão unânime (30-27, 29-28 e 30-27)
Liz Carmouche venceu Katlyn Chookagian por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)

Fonte da Notícia: www.ufc.com.br

Comentários facebook :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *