O dia em que Mike Tyson mordeu a orelha de Evander Holyfield durante a luta

Mike-Tyson-e-Evander-Holyfield

Em 28 de Junho de 1997 ocorreu a revanche entre Mike Tyson e Evander Holyfield pelo título mundial dos pesos pesados, no final de junho, acabou de maneira pouco comum mesmo para o mundo do boxe. No terceiro assalto, depois de mais de dez minutos de luta, Tyson arrancou um pedaço da orelha direita de Holyfield com uma mordida. O combate foi interrompido para que Holyfield fosse examinado. A luta recomeçou minutos depois e ainda no terceiro assalto Tyson aplicou nova mordida, agora na orelha esquerda do rival. O juiz Mills Lane interrompeu a luta novamente e desclassificou Tyson, dando a vitória a Holyfield, que manteve o cinturão dos pesados da Associação Mundial de Boxe. Tyson disse, após o combate, que mordeu a orelha direita do adversário para se vingar. Segundo ele, Holyfield o atingiu propositadamente com a cabeça durante a luta, o que teria provocado um corte acima do olho esquerdo. Logo depois de confirmada a vitória de Holyfield, a Comissão Atlética de Nevada (Estado onde fica Las Vegas) anunciou a suspensão provisória de Tyson. Em julgamento posterior, a comissão cassou a licença de Tyson e aplicou uma multa de US$ 3 milhões, 10% da quantia que recebeu pela luta.



Comentários facebook :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *