O Judô é uma arte marcial japonesa e esporte olímpico

JUDÔ, O CAMINHO SUAVE

O Judô é uma arte marcial japonesa e esporte olímpico criada por Jigoro Kano no final do século XIX a partir de diversos estilos de Jujutso (arte suave), a arte marcial dos nobres e samurais, e outras artes de luta praticadas na sua época no Japão e seus objetivos vão muito além da defesa pessoal, pois visam fortalecer o físico, a mente e o espírito de forma integrada.

A palavra judô significa “caminho da flexibilidade” ou “caminho suave”; com isto se pretende explicar que a forma de vencer uma força não é opor-se a ela, mas redirecioná-la para nosso próprio uso. Em outras palavras: usar a força e peso do oponente contra ele.

O judô sentou as bases para as modernas artes marciais japonesas, tanto em seus objetivos quanto em seus métodos de ensino. Seu fundador, mestre Kano, dizia que o judô é “a arte em que se usa ao máximo a força física e espiritual”. É a luta com técnicas de solo mais conhecida no mundo. Os seus praticantes são chamados de judocas. O Brasil está em segundo lugar no número de praticantes, perdendo apenas para o Japão. Com milhares de praticantes e federações espalhados pelo mundo, o judô se tornou um dos esportes mais praticados, tanto por homens como mulheres, crianças e idosos.

O judô em pé objetiva provocar o desequilíbrio do adversário sem perder o próprio equilíbrio. Já o judô de solo se baseia em controlar ou provocar a rendição do adversário através de várias técnicas. No judô não existem chutes nem socos porque é baseado nas técnicas usadas pelos samurais nos campos de batalha. Durante as guerras esses guerreiros japoneses usavam poderosas armaduras, contra as quais chutes e socos eram muito pouco efetivos.

A vestimenta utilizada nessa modalidade é o keikogi (kimono), que no judô recebe o nome de judogi, e que com o cinturão forma o equipamento necessário à sua prática. O judogi pode ser branco ou azul, ainda que o azul seja quase apenas utilizado para facilitar as arbitragens em campeonatos oficiais. O conjunto do judogi e o cinturão (faixa) ficou tão conhecido que acabou inspirando a maioria das outras artes marciais a adotar visual semelhante, tornando a “faixa-preta” um sonho a ser realizado pela maioria dos artistas marciais.

No judô competitivo existem quatro tipos de pontos:

    • Ippon:ponto completo, equivale ao nocaute, o adversário está fora de combate. É obtido quando o oponente cai com as costas no chão, no final de um movimento perfeito.
    • Wazari: meio ponto, com dois se obtém um Ippon. Um Wazari é um “Ippon” que não foi realizado com perfeição.
    • Yuko: ponto menor que o Waza-ari (1/3 de um Ipoon), obtido quando o oponente cai de lado.
    • Koka: Ponto inferior ao yuko, vale ¼ de um Ippon, obtido quando o oponente cai sentado ou de joelhos. Apesar de cumulativo não conduz ao Ippon, isto é, a luta continua mesmo que um atleta acumule quatro kokas.

A História do Judô

Comentários facebook :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *