O Russo Nurmagomedov promete deixar UFC caso não receba chance de desafiar McGregor por cinturão

khabib nurmagomedov

Invicto nas artes marciais mistas, Khabib Nurmagomedov chegou ao 24º triunfo no cartel ao bater Michael Johnson por finalização, no UFC 205, no último fim de semana, em Nova York. Líder do ranking do peso leve, o russo cobrou a chance de disputar o cinturão contra o atual campeão da categoria, Conor McGregor, que destronou Eddie Alvarez no mesmo evento. Em postagem no Twitter, o lutador da AKA garantiu que não pretende lutar mais no Ultimate caso não receba o title shot para desafiar o irlandês.

Por respeito, eu quero lutar pelo título do UFC. Mas se eu não tiver a minha chance de disputar o cinturão na próxima luta, tenho um plano diferente: não vou lutar no UFC”, disparou Nurmagomedov, que soma oito vitórias na organização.

Na opinião de McGregor, as constantes lesões do russo inviabilizam o combate. O astro quer garantias que o russo não deixará o combate. “Khabib lutou apenas uma vez nos últimos oito anos. Ele não luta com a freqüência que gosto. Para eu me comprometer, as pessoas precisam aparecer. Ele teve uma boa performance, serei justo, mas vamos ver. Preciso ver atividade, consistência. Posso mudar a sua vida miserável, mas é melhor você me dar motivos para fazer isso”, declarou.

Conor McGregor se tornou o primeiro lutador do UFC campeão em duas categorias ao mesmo tempo – nos pesos pena e leve. Ainda não há pistas do próximo desafio do ‘Notorious’ na organização. Nos leves, além de Nurmagomedov, Tony Ferguson, que vem de nove vitórias seguidas, é candidato a receber o title shot. No entanto, a possibilidade de uma trilogia contra Nate Diaz já foi admitida pelo técnico do irlandês, John Kavanagh.

Nos penas, José Aldo ainda aguarda o retorno de Conor McGregor. O brasileiro conquistou o título interino da categoria depois de ser destronado pelo irlandês, em dezembro do ano passado, e aguarda a revanche valendo o cinturão unificado. Há também a chance de McGregor tentar o terceiro cinturão em uma categoria diferente, a dos meio-médios, contra Tyron Woodley, que avisou que aceitaria o duelo.

Fonte da Notícia: www.superlutas.com.br

Comentários facebook :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *