Robert Whittaker vence Yoel Romero e é o campeão interino do peso-médio (Vídeo da Luta)

Foi em uma luta digna do grande momento vivido pelos dois protagonistas que Robert Whittaker levou a melhor sobre Yoel Romero em decisão unânime dos jurados e conquistou o cinturão interino dos pesos-médios na luta principal do UFC 213.

Aos 26 anos de idade, ele se torna o primeiro atleta da Oceania a conquistar um título do Ultimate, e, com sete vitórias consecutivas, ostenta agora a maior sequência invicta da divisão dos médios.

Com uma visível desvantagem física em relação a Romero, Whittaker entrou no octógono com a proposta de engajar na trocação e se movimentar para evitar ser derrubado pelo medalhista olímpico de wrestling.

Mais forte e explosivo, Romero, por sua vez, buscou o clinch e a queda no início, e, fazendo um jogo de controle, saiu na frente no combate, faturando os dois primeiros rounds.

Com o passar do tempo, Whittaker foi crescendo, pressionando o adversário contra a grande e conectando os melhores golpes, ao passo em que mostrava excelente defesa de quedas para manter o jogo em sua zona de conforto.

No final, o australiano ainda se aproveitou de um desequilíbrio de Romero para cair por cima, consolidar a virada na luta e terminar o duelo em posição de vantagem.

Coroado novo campeão interino, Whittaker terá agora que enfrentar Michael Bisping pelo título linear da categoria. Presente na T-Mobile Arena, o inglês subiu ao octógono para, como sempre, polemizar.

Robert, foi uma luta excelente. Mas ver você com esse cinturão me dá nojo. Tire isso, você precisa me enfrentar”, declarou Bisping, atirando seu próprio cinturão ao chão em provocação ao australiano, que manteve a compostura.

“Posso levar esse também?”, brincou Whittaker sobre o cinturão, “Nosso destino era lutar. Estou feliz por enfrentá-lo”. (fonte da notícia: www.ufc.com.br)

Comentários facebook :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *