Stephen Thompson nocauteia Johny Hendricks no UFC Fight Night 82

Stephen Thompson

Trazendo somente um brasileiro no card, o atleta Rafael Feijão, que acabou derrotado por a após três rounds de batalha, o UFC Fight Night 82 contou com o total de 12 lutas, sendo quatro delas encerradas por nocaute, duas finalizações e a outra metade das lutas por decisão dos árbitros laterais.

Nos destaques da noite, o peso-pesado Roy Nelson retornou para sua luta de minerva buscando dar fim a sua sequência negativa de três lutas diante de Jared Rosholt, que vinha de boas performances anteriores. O ‘gordinho’ carismático do UFC levou a melhor após três rounds de luta, que levou vaias pela inatividade dos atletas pela torcida local. Nelson acertou os melhores golpes e abriu sangramentos em Rosholt.

Na principal luta da noite, o azarão Stephen Thompson quebrou a banca ao dominar completamente o ex-campeão Johny Hendricks e nocauteá-lo em pouco mais de três minutos de luta. O lutador que tem o karatê como sua base aplicou golpes com precisão cirúrgica, com combinações de chutes e socos, aliados a uma movimentação crucial para impor sua estratégia diante do perigoso wrestler, que tem menor envergadura e um soco muito potente.

 thompson

Hendricks não encontrou Thompson e o carateca impôs seu ritmo, encontrou a distância, batia e saia, aplicava sequências que balançavam e frustravam o ex-campeão. Até que após uma dessas sequências e com praticamente todos os golpes atingindo o oponente, desmontou Hendricks e liquidou a fatura com o árbitro central interrompendo o duelo.

Thompson soma mais de 50 vitórias no kickboxing e vem de uma família de lutadores. No UFC, venceu sete de suas oito lutas realizadas, sendo superado apenas por Matt Brown em 2012 pelo UFC 145 na decisão dos juízes. Seu pai foi um grande campeão de kickboxing e chegou a lutar vale-tudo em torneios ‘sem regras’ na década de 80. Agora, o atleta de 32 anos deve ser o próximo a desafiar o campeão Robbie Lawler.

Card principal

Stephen Thompson venceu Johny Hendricks por nocaute técnico no primeiro round;

Roy Nelson venceu Jared Rosholt por decisão unânime;

Ovince Saint Preux venceu Rafael Feijão por decisão unânime;

Joseph Benavidez venceu Zach Makosvky por decisão unânime;

Misha Cirkunov venceu Alex Nicholson por finalização no segundo round;

Mike Pyle venceu Sean Spencer por nocaute técnico no terceiro round.

CARD PRELIMINAR

Joshua Burkman venceu KJ Noons por decisão unânime;

Derrick Lewis venceu Damian Grabowski por nocaute;

Justin Scoggins venceu Ray Borg por decisão unânime;

Diego Rivas venceu Noad Lahat por nocaute no segundo round;

Mickey Gall venceu Mike Jackson por finalização no primeiro round;

Alex White venceu Artem Lobov por decisão unânime;
Fonte da Notícia: MMA Space

Comentários facebook :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *